Apaixonite, amor platônico e afins ...


Aaaa, nada como gostar de alguém. Seu coração dispara, sua respiração aumenta, e o sentimento literalmente atropela a razão. A pessoa passa a ser mais que uma qualquer em seu mundo, torna-se um astro, uma luz, chama mais atenção que as outras ao redor.
O amor é engraçado, difícil, e ao mesmo tempo fácil, delicado e complicado, mas não deixa de ser o sentimento mais belo existente no universo. Como será que nos apaixonamos? Eu realmente não sei. Uns se apaixonam mais rápido, outros lentamente, muitos tem medo de amar, por medo de sofrer. Medo de amar? Tolice. Todos vão se machucar, ficar tristes por um amor não correspondido, mas nada que o tempo não cure. Um enorme pecado é não amar, pois o que o mundo precisa cada vez mais é amor. Mas primeiramente é necessário nos dar amor, depois dar amor ao próximo para que assim recebemos o amor dele também.

"Amor é fogo que arde sem se ver. É ferida que dói e não se sente." (Camões)

3 comentaram:

Má. disse...

Acho que o amor poderia ser um exemplo da expressão "se tá na chuva é para se molhar", pois não importa, o quanto você ame, nunca você vai sair ileso, sempre irá ficar uma marca, mas mesmo assim, vale a pena, tudo vale.
Amar mais ainda.
amr, seu blog da mara!, juro, ameei.!

Pri disse...

Oh o amor é dificil de entender msm, mas eh o sentimento + bonito msm!

Se der visita meu blog cacauaçucarado.blogspot.com

Pensamentos distantes disse...

Parabens palo blog!







Design e código feitos por Julie Duarte. Personalizado por Maria Luisa.