Six feet under

Você já se sentiu
Como um saco de plástico
Voando com o vento
Querendo começar de novo

Você alguma vez já se sentiu
Se sentiu tão frágil
Como um castelo de cartas
A um simples sopro de desmoronar



Talvez eu devesse omitir essa coisa que cresce em mim. O melhor seria não mostra-la para ninguém, porém é mais forte do que meu senso de crítica. Chega um momento em nossas vidas que simplesmente tudo para de fazer sentido, não acho que isso só ocorra na adolescência, mas sim em qualquer circunstância. Tudo vem me irritando, principalmente minha vida e eu! Não estou reclamando, sei que tenho tudo para agradecer e agradeço, sei que sou previlegiada por muitas coisas, porém, me sinto completamente exausta. Talvez esteja esgotada de pequenas coisas que andam acontecendo com muita frequencia na minha vida, cansei de ficar triste e magoada toda hora, de sentir um vazio no peito precisando de alguém, chorar quando vê algum casal na rua, ou quando vê um grupo de amigos, eu estou de saco cheio de gente falsa, sem sentimentos... As pessoas pensam que eu não sinto, principalmente as que dizem amigas, acho que pra elas deve ser fácil ignorar, magoar, esquecer. Bom, pra mim não. Eu não aguento mais fingir esse sorriso que carrego todos os dias, fingir que não me importo quando não é bem assim. Cansei de amar sem ser amada, de entregar sentimentos amigos e não receber nada em troca! Eu não quero mais saber disso, ja deu...


FELIZ NATAL PRA VOCÊS!

20 comentaram:

Lys Fernanda disse...

Uau querida! Sabe eu compreendo bem, cada palavra. Eu ja me vi em situaçoes assim e nao como fugir do que esta sentindo, mas tem como reeverter dor em aprendizado. Amadurecimento. Valorize apenas aqueles que valem a pena. Acredite eles existem. Talvez voce nao esteja olhando pra lado certo. Beijos, melhoras. Feliz Natal!

gabriela marques. disse...

Às vezes eu também omito sentimentos, é melhor assim: guardar pra si.
Deixa ele bortar em ti, veja até aonde ele vai... se for bem longe, então não caberá mais em teu coração e se expandirá; então a boca, sem ao menos ter intenção, irá dizer... dizer tudo o que sente para quem se ama.

Carlinha disse...

Acho que todo mundo passa por isso, mas as vezes parece que essa situação se tornou parte do meu cotidiano, mas quem sabe as coisas não vão mudar nê?! um ano novo tá vindo por aí, vou tentar mudar mais que o calendário, mudar a mim mesma, pra tentar parar de sofrer com essas coisas!! Espero que nesse ano novo vc tb consiga!

=*

Ray Fernandes! disse...

Estou montando uma equipe para o meu blog, preciso de colaboradoras se alguém se interessar é só entrar em contato *-*
email: rayanners_8@yahoo.com.br
msn: rayanners_8@hotmail.com
http://cacophonous-pit.blogspot.com/

perdoe a divulgação p.p

Mayra gabi' disse...

Gostei do teu desabafo é bem minha cara algumas vezes!
Estou te seguindo...
amei teu blog parabéns!
Bjoo' :**
http://gabifonsecablogspotcom.blogspot.com/

garota estranha disse...

Olá, lindo, lindo, lindo.
Adorei seu blog, estou te seguindo me segue tbm?
http://garotaestranhaecomplicada.blogspot.com/

Gabriele Cristine disse...

Nossa, o texto ficou muito bom... Olha, eu sei como é porque, eu também ultimamente estou assim mas, acho que o melhor é dar valor aqueles que te amam de verdade, não guardar mágoas e, aproveitar os melhores momentos de sua vida. Te desejo melhoras.
E, Feliz Natal atrasado, hehe

; Jóaniix ♔ disse...

adoro o blog , vou seguir (:

Juliana Marton disse...

a verdade é que passa. é fase e passa. o melhor é que te faz crescer e amadurecer. (:

creia nisso. beijos, querida! **:

@juusep disse...

Só passando para avisar que tem um selinho lá no blog, e uma mensagem de ano Novo adiantado. Beijos, um prospero ano novo! Se cuida.

http://vouvivendoavidalevemente.blogspot.com/2010/12/papai-noel-deixou-meu-presente-de-natal.html

Lívia G. disse...

Eu não consigo guardar nada que sinto ou penso, mas as vezes gostaria de conseguir. Ultimamente venho me sentido assim, e sei que pode parecer terrível, mas é bom saber que não sou só eu. Também me sinto exausta de muitas coisas, irritada com tudo e com todos e principalmente sinto que não recebo a importancia que dou pra muitas pessoas na minha vida. Sei que não devemos esperar pra nao nos decepcionarmos, mas é inevitável. E decepção acaba magoando. Mas acho também que o tempo ajuda e que precisamos buscar nosso caminho, quando nos sentimos assim perdidas na vida.. Acho que todos temos como encontrar esse caminho. Boa sorte pra voce. E adorei seu blog.

B. disse...

Oi, deixei um meme pra ti no meu blog (:

Bell Ferreira disse...

Tem selo pra você lá no meu blog, o Petit Poá! *---*

Beijo, beijo!

disse...

muito bem.... verdadeiras palavras....
me senti assim até pouco tempo...
estou refazendo....
adorei aquiii

feliz 2011.

Gideany Maiara disse...

Oi. Passei pra desejar um Feliz ano novo;
X.O.X.O
mywordfashion.blogspot.com
baiiuka.blogspot.com

Ana Luísa disse...

amei o post !

Is3a - Garota Desigual disse...

Acredito e ja me senti assim, claro! E' chato e cansativa essa raiva que fica dentro de nos, mas nao esquec,a que diversas vezes isso ocorre para crescermos e Pprendermos ;)
Melhoras e espero q tudo d^e certoo. Beeijos!

*_Loo_* disse...

Oie! Lindo o blog. Gostei de verdade. Compreendo o que você diz e concordo, até porque isso teve um significado pessoal para mim que me fez refletir em certas coisas.
*seguindo* ^^

●๋• тнαi иαรciмєитσ disse...

Mais cedo ou mais tarde chega a hora em que toda essa farsa, para nós ou para os outros, não importa, cansa. É quando decidimos tirar as máscaras, embora de vez em quando reste um medo de saber o que realmente tem por baixo dela. Será que vale a pena expor tudo isso ou é melhor manter as aparências?

Você escreve bem, gostei do teu blog. Sigo-o com imenso prazer!

Anônimo disse...

Useful blog website, keep me personally through searching it, I am seriously interested to find out another recommendation of it.







Design e código feitos por Julie Duarte. Personalizado por Maria Luisa.