Confiança


- Como você pôde? Eu acreditei tanto em você...
- Não fiz nada de errado.
- Pra você tudo o que faz, pensa e diz é correto. Apenas você está de acordo com as coisas certas. Acho que se considera perfeito.
- Você é que está dizendo isso. Eu tenho plena consciência dos meus atos. Isso é o que importa para mim agora. Deixe de lado.
- Deixar de lado? Você era meu amigo, uma das pessoas que eu mais amava e adorava. Confiei tanto, pra você jogar tudo pro alto, acabar com todas as coisas e dizer que está tudo bem?
- Ela é o que importa agora. Como já disse, você só quer atenção e não aceita.
- Não, eu só queria poder confiar em você mais uma vez. Saber onde está aquele que conheci, ou descobrir de vez que esse é o seu verdadeiro eu. Frio, calculista e egoísta.



Gente, que saudade daqui. Fiquei essa semana sem vir aqui, porque estava numa semana de provas D:
E fiquei feliz quando voltei, cheguei aos 200 seguidores :O
Essa semana eu retribuo os comentários ok? E muito obrigada pelos selinhos queridas, amei mesmo!



bjos

7 comentaram:

Tudo Girl! disse...

gostei do texto! :D
:*

Silvya disse...

eu já passei por esse diálogo, rs
o bom é que as coisas voltaram ao normal.. ou quase.

Lolzinhah disse...

É confiar e ser traído nao é fácil...Esse blog tá muuito perfeito.Dá uma passadinha no meu também.Bjooox(to seguindo)=*

Loma Sernaiotto disse...

confiança é um tema tão complicado. vai com facilidade mas demora tanto pra vir, né? blog lindíssimo! bjinhus

Verônica Felix disse...

Adorei seu blog e gostei do texto..

Fiz um novo blog, se estiver afim da uma passadinha la para conferir, e se gostar segue :D.. http://vevefelix.blogspot.com/
beijos querida.

Veronica Rodrigues disse...

Blog é a melhor coisa pradesabafar.

um beijo e otimo finalzinho de semana pra ti.

Juliana Marton disse...

confiança é complicado hoje em dia. aliás, sempre foi. é bom que sempre rende belos textos.

o blog está cada dia melhor! beeijos. ;**







Design e código feitos por Julie Duarte. Personalizado por Maria Luisa.